banner

Ticker

* Cotações com atraso superior a 15 minutos via Bats CHI-X Europe e NASDAQ Basic

PORTUGAL - FIXED INCOME - 19-05-2017

19 May 2017

noticias/fixed-income.jpg

A semana voltou a ser positiva para a curva soberana portuguesa. Registaram-se, também, reduções adicionais de spreads face à Alemanha, Espanha e Itália na parte intermédia e longa da curva. A curva dos EUA revelou-se uma importante fonte de pressão para yields mais baixas na área do euro, consequência de mais uma leitura fraca para o índice de preços no consumo e do aumento da incerteza política no país (em torno das consequências da demissão do diretor do FBI por Donald Trump). A yield a 10 anos do Tesouro dos EUA regressou aos mínimos do ano (junto de 2,2%), enquanto a yield para a obrigação da Alemanha com igual maturidade voltou para o ponto intermédio do intervalo 0,16%-0,50% que tem sido observado desde finais de 2016. Estes patamares poderão justificar um movimento de recuperação das yields no curto prazo.

Voltar